quarta-feira, 31 de março de 2010

ASSOCIAÇÃO DE DEFESA CONTRA A DISCRIMINAÇÃO DOS HETEROSSEXUAIS (ADHT)

E-mail: defesa_hetero@yahoo.com

Definição: Heterofobia é um termo utilizado para definir a aversão a pessoas ou atos heterossexuais. O termo hétero aqui é usado como forma abreviada de "heterossexual", e fobia significa medo ou aversão.

Se você é homossexual ou lésbica e deseja deixar a prática, conte conosco. Podemos lhe conseguir uma ONG que vai lhe tratar muito bem e garantimos que ao final do tratamento você estará livre deste mal que está assolando milhares de brasileiros. Escreva-nos e indique a cidade onde mora e lhe indicaremos uma ONG que poderá lhe assistir e lhe ajudar a deixar esta pratica anti-natural.

Os héteros agora você já pode começar a contar com o apoio da ADHT. Conheça nossa associação e o que ela pode fazer por você. Precisamos de sua ajuda, tornando-se membro e um lutador incansável em prol da família tradicional, do casamento apenas entre um homem e uma mulher, do combate a qualquer tipo de aborto, da defesa da heterossexualidade, do combate a pratica homossexual e lésbica e da luta para mantermos o Brasil um pais democrático, usando estratégias para combater o marxismo e o socialismo de esquerda. Queremos com isso, salvar nossos filhos, netos e bisnetos que poderão serem influenciados por esta lama que está sendo lançada com o apoio deste governo e do PT e seus associados que tem usado todos os meios ilegais, falcatruas políticas, escândalos financeiros para se conservarem no governo, vindo a ser um governo ditatorial, como já demonstrou estar começando a ser.

Veja abaixo nossos principais objetivos na defesa de nossa sociedade, família, casamento, crianças e idoso:

Um estudo, efetuado por Stephen M. White e Louis R. Franzini, indica que há mais sentimentos negativos e heterofobia por parte das pessoas homossexuais, quando comparados com os sentimentos negativos e homofobia por parte das pessoas heterossexuais. Os resultados demonstrados por emails, e diálogos, sites e BLOGS homossexuais, bem como a quantidade de artigos e matérias incluídas na mídia demonstram claramente a mudança de comportamento dos homossexuais cometendo o crime de heterofobia que o nível de sentimentos negativos por parte das pessoas homossexuais não é influenciado pelo fato de assumirem ou não a sua orientação sexual.

A percentagem de homossexuais , bissexuais, travestis e lésbicas de praticarem a heterofobia atualmente é muito maior que os héteros praticarem a homofobia uma vez que os héteros não tinham se organizaram em grupos para defesa dos héteros, sendo que os homossexuais alem de formarem mais de 400 associações homossexuais e realizarem PARADAS GAYS com o dinheiro de nossos impostos é uma afronta aos héteros, pois usam nossos impostos.

Somente nos últimos meses a comunidade heterossexual tem começado a se organizar para combater a heterofobia. No caso do general General Raymundo Nonato que foi taxado de “homófobo”, vimos a publico defende-lo e bem como defender as forças armadas para que continuem em sua tradição de não aceitação de homossexuais devido a possibilidade de ocorrer atos indisciplinares relativos a possíveis relações sexuais entre militares homossexuais quando alojados juntos. Aplicar-se-a o crime de discriminação heterofóbica a todos que tentarem denegrir a imagem de um heterossexual ou mulher normal (não lésbica) caluniando, difamando ou discriminando ao chamá-lo de homófobo, pois no caso do General, o mesmo não teve por objetivo atingir os homossexuais com suas declarações mas sim declarar a incompatibilidade da função para os homossexuais uma vez que o exercito brasileiro nunca admitiu homossexuais em suas fileiras e lutaremos para que esta decisão seja mantida, por causa dos fatores acima descritos.

A ADHT (Associação de Defesa contra a discriminação de Heterossexuais) tem por finalidade combater casos como os comentários postados contra héteros caluniando, discriminado, difamando, zombando, xingando,usando palavras de baixo-calão para atingir a dignidade dos héteros, tentar desonrá-los com palavras condenatórias, denominá-los de "homofobos" ou outros termos pejorativos que deponham contra a dignidade de algum hétero para que seja mantida a ordem no pais, o direito de expressão com responsabilidade, sendo os culpados devidamente responsabilizados por seus atos. A ADHT também combaterá todos que tentarem impor a filosofia Marxista ou ditatorial no Brasil para que seja mantida a democracia conquistada a duras custas.


Nosso alvo também será o de proteger nossas crianças de influencias homossexuais e das políticas marxistas. Isto posto qualquer evidencia de pregação marxista ou ditatorial será imediatamente combatida pela ADHT e seus responsáveis responsabilizados de acordo com a lei vigente.

Qualquer cidadão brasileiro ou residente no Brasil poderá contar com os serviços e apoio da ADHT para defesa de acusação de homofobia ou para se defender da heterofobia. Os casos de sites, emails ou BLOGS ter!ao seus proprietários a responsabilidade sobre todo material exceto nos casos em que os participantes sejam devidamente identificados e o proprietário da mídia inserir esclarecimento sobre a responsabilidade de seus usuários. São Paulo, 15/2/2010.


Toda sociedade Brasileira heterossexual poderá contar com os serviços da ADHT gratuitamente, inclusive homossexuais, travestis, lésbicas e outros do gênero que desejam deixar a pratica homossexual por não terem conseguido por influencias de outros homossexuais ativos e associações homossexuais, ou por falta de apoio. Em nossos serviços gratuitos estão incluídos serviços de Advogados, de orientação no combate a pratica homossexual e lésbica, ajuda de psicólogos cristãos, pastores e obreiros credenciados para ajudarem os praticantes do homossexualismo a deixarem esta pratica comportamental e pecaminosa segundo a Bíblia,


Esta associação tem por principio defender ajudar a todas as famílias a manterem a tradição milenar do namoro, noivado e casamento segundo os princípios cristãos e trazer orientação em como cuidar de suas crianças, adolescentes e jovens de não serem influenciados nesta pratica abominável, ou seja manter os moldes da família que por milênios vem sendo pratica pela humanidade. Para contar com nossos serviços, todos os heterossexuais e pessoas do sexo feminino que forem discriminada por algum homossexual, lésbica ou do gênero, podendo contatar a ADHT pelo email abaixo que localizaremos nossos Advogados parceiros, próximos a sua cidade para tomar as devidas ações legais contra a heterofobia os mais rápido possível.

Para tornar-se sócio da ADHT, favor enviar email por hora, enquanto nosso site está em desenvolvimento informando seu nome complete, RG e CFP e endereço complete e seu telefone de contato .

Nossa luta não tem como alvo apenas defender os heterossexuais da heterofobia, mas também engajar todos os sócios na luta contra o aborto por qualquer motivo que seja.

Lutaremos abertamente também contra os desmandos deste governo, onde a corrupção financeira e política corre a solta e que está fazendo uso das associações homossexuais e ativistas como fizeram outros ditadores no passado, usando o Nazismo, o fascismo e outras filosofias ditatoriais para enganar o povo, vindo por fim a tirar vantagem do poder, tornando-se ditadores e matando, ou calando para sempre a todos que se opuseram a seus governos.

Isto Já estamos vendo acontecer com a perseguição a todos quem se postam contra o homossexualismo, e religiões africanas ferindo a liberdade prevista no artigo V da Constituição Brasileira, ou seja o decreto Lei imposto por Lula contra os cristãos e judeus, o cancelamento das leis relativas ao casamento e a família, a destruição do direitos de propriedade e outras ações antidemocráticas, é uma clara evidencia de que por trás existe o interesse da implantação de um regime ditatorial para que de alguma forma perpetuar o atual presidente no Poder através do PT e seus aliados.


Convidamos a todos os brasileiros que lerem este informe, que se torne mais um braço a lutar contra todos os desmandos que estão acontecendo e que acabará com a nossa democracia em breve, se não lutarmos contra.

Grande parte dos brasileiros hoje pensam como o pastor luterano Martin Niemöller, quando a Alemanha estava sob o domínio nazista. Na prisão proferiu a conhecida frase, em 1933,:

“Um dia vieram e levaram meu vizinho que era judeu. Como não sou judeu, não me incomodei.


No dia seguinte, vieram e levaram meu outro vizinho que era comunista. Como não sou comunista, não meincomodei.


No terceiro dia vieram e levaram meu vizinho católico. Como não sou católico, não me incomodei.


No quarto dia, vieram e me levaram; já não havia mais ninguém para reclamar…”


Associação de Defesa Contra a discriminação dos Heterossexuais (ADHT).
Pr. Dr. Alberto Thieme
Presidente – email : Defesa_hetero@yahoo.com

segunda-feira, 29 de março de 2010

CONSELHO AOS FILÓSOFOS CRISTÃOS - ALVIN PLANTINGA

O texto que se segue é bem maior do que o que costumo postar aqui. Há muito eu queria traduzir este texto de Plantinga. O blogueiro Vitor Grando poupou-me o trabalho. Segue a postagem feita por ele, incluindo uma pequena introdução do próprio Vitor com três links para pesquisa sobre Plantinga (o link para o original em inglês está aqui e os links do artigo traduzido também foram inseridos pelo Vitor). ROBERTO VARGAS JR.


Conselho aos Filósofos Cristãos - Alvin Plantinga

Alvin Plantinga é um filósofo cristão que dispensa qualquer comentário. Tido como um dos maiores filósofos cristãos das últimas décadas, Plantinga foi um dos grandes responsáveis pelo ressurgimento do teísmo cristão no âmbito filosófico profissional nos últimos anos. Seus trabalhos em filosofia da religião e epistemologia causaram verdadeiras revoluções nas respectivas áreas. Este é o 5º artigo do Plantinga que este blog tem o privilégio de traduzir. Neste artigo clássico divulgado em 1984, Plantinga fala sobre a apropriada relação do filósofo cristão com sua disciplina, ele defende que o filósofo cristão não pode prontamente adotar as metodologias correntes no âmbito filosófico profissional por serem, boa parte delas, nocivas ao pensamento cristão. Plantinga defende uma maior independência e autonomia da comunidade filosófica cristã em relação ao resto da comunidade filosófica. É um artigo importante não só para filósofo mas como para qualquer crente que busca uma vida intelectual responsável e cristã. Sugiro também a leitura do artigo Como Pensar Sobre o Secularismo, do teólogo alemão Wolfhart Pannenberg, que também fala da relação do cristão com a cultura secular ao seu redor.

Maiores informações, CLIQUE AQUI.